25, março de 2017
Últimas Notícias
Capa >> Secretarias >> Educação >> Tremembé foi eleita entre as cinco melhores iniciativas governamentais de educação inclusiva do Estado de São Paulo em 2013
Tremembé foi eleita entre as cinco melhores iniciativas governamentais de educação inclusiva do Estado de São Paulo em 2013

Tremembé foi eleita entre as cinco melhores iniciativas governamentais de educação inclusiva do Estado de São Paulo em 2013

A Prefeitura Municipal de Tremembé tem investido muito no trabalho com a educação inclusiva nas escolas do município. Esse trabalho tem dado bons frutos.

No dia 21 de março, a Secretária de Educação, Dra Cristiana Mercadante Esper Berthoud, esteve no Memorial da América Latina para receber o prêmio da Secretaria de Estado das Pessoas com Deficiência, em São Paulo, acompanhada da Coordenadora, Angelina Leite, professores das Salas de Recursos Multifuncionais do Município e com a Professora de Braille, Luciane Molina, para receber uma premiação referente ao Projeto “Grafia Braille: “Semeando Leitores e Escritores Competentes”.

Cento e oitenta projetos de todo o Estado foram inscritos e, ao longo do ano, a Comissão da Secretaria do Estado visitou todos os municípios envolvidos. Tremembé ficou entre os 5 (cinco) melhores Projetos Governamentais, uma grande conquista para o nosso município.

Na entrega do prêmio, a Secretária de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Dra. Linamara Battistella, elogiou o município de Tremembé, afirmando “É um orgulho ver que um município pequeno, com tantas dificuldades econômicas, consiga investir tão bem em educação inclusiva. Isso prova que boa vontade e determinação podem sim vencer as dificuldades. Tremembé é um exemplo para outros municípios.”

Sob coordenação municipal de Daniela Renó, o Projeto tem como objetivo capacitar profissionais para atuarem na formação e inclusão escolar das pessoas com deficiência visual por meio do método Braille, estimulação tátil e tecnologia assistiva.

A Professora Luciane Molina, deficiente visual e especialista no assunto, ministra o curso para pais e professores e realiza orientações específicas para a equipe pedagógica sobre cada caso. Além do curso e dos estudos de caso, as escolas foram cadastradas em Programas da Fundação Dorina Nowill e Instituto Benjamin Constant e passaram a receber gratuitamente materiais específicos para desenvolver esse trabalho.

O prêmio é um reconhecimento pela dedicação e pelo respeito que cada profissional envolvido traz para o projeto. A Secretaria de Educação está muito satisfeita com os trabalhos de inclusão desenvolvidos na Rede”, ressalta Daniela Renó.

É parte do planejamento estratégico da Secretaria de Educação desenvolver ações que visam atender e oferecer educação pública com igualdade de oportunidades para um público de crianças com deficiência e autismo.

O prefeito Marcelo Vaqueli e a secretária de educação, Dra Cristiana Berthoud parabenizam a todos os envolvidos no Projeto. “Uma de nossas metas é proporcionar acessibilidade e uma educação de excelência para todos e é uma grande satisfação saber que estamos no rumo certo”, afirmou o prefeito Marcelo Vaqueli.

CERIMONIA DE PREMIACAO (1) CERIMONIA DE PREMIACAO (2) CURSO BRAILLE (1) CURSO BRAILLE (2) PLACA DO PREMIOCERIMONIA DE PREMIACAO (3)